Conseguiram hackear o SNES Classic Edition para rodar outros jogos – Hyppers

Conseguiram hackear o SNES Classic Edition para rodar outros jogos

O SNES Classic Mini foi lançado no final do mês passado e não demorou muito para que uma turma sagaz da internet conseguisse hackear o aparelho, o que convenhamos não deve ser muito difícil — para quem entende do assunto, obviamente —, pois falamos de uma versão de um console de uns 25 anos atrás (sim amigo, você está velho). Com a alteração é possível adicionar outros jogos além dos 21 instalados na memória.

O processo envolve uma versão atualizada da ferramenta HackChi, usada para realizar o mesmo destravamento no NES Classic Edition. O programa converte ROMs que geralmente são usadas em emuladores usados no PC para um formado no qual o SNES Classic consegue ler. O vídeo abaixo descreve o procedimento. Dá até para baixas as artes das caixas, para mostrá-los da forma adequada no menu.

O Snes Classic possui um total de 300Mb de memória interna, mas usa algo em torno de 40Mb, sobrando 260Mb livres, que podem ser usados para adicionar outros jogos. Como as ROMs de SNES geralmente possem algo em torno de 2 a 3 Megas (as vezes menos), dá para colocar muita coisa. É interessante notar que o recurso do “save state” também funciona nesses games adicionais, como mostrado no final do vídeo. O grupo que disponibilizou o programa comentou que na versão atual, cerca de 75% dos jogos de SNES rodam sem problemas.

Sempre lembrando que legalmente você só pode usar ROMs as quais possua o jogo original, da mesma forma que sempre existe a chance de algo no processo dar errado e você ganhar um maravilhoso (e caro) peso de papel no formato de um SNES, além do fato de qualquer tipo de garantia ser invalidada devido a tais alterações. O aparelho deve chegar ao Brasil por volta do dia 20, com um preço sugerido de R$ 999.

Formado em design de jogos, tentando ganhar a vida com esse negócio chamado videogame. Para ele Metal Gear é a melhor série já feita e ainda acredita na volta da SEGA.