O modo mais nojento de conseguir um Cubo Cósmico… – Hyppers

O modo mais nojento de conseguir um Cubo Cósmico…

Hyppers Alerta: O Texto abaixo contém spoilers de histórias ainda não lançadas no Brasil! Siga por sua própria curiosidade e risco.

Um pouco antes dos eventos de “Império Secreto #8”, aconteceram muitas coisas um pouco antes, na revista do Capitão América #25. Ela foi escrita pelo coordenador dessa saga toda, Nick Spencer, com arte de Jesús Saiz, o brasileiro Joe Bennett e Joe Pimentel. São acontecimentos que são importantes para ligar a edição 7 e a 8 do evento e, sem ler, ficam uns buracos estranhos na história.

A revista começa com o Capitão América declarando Guerra. Mas Geurra a quem exatamente? Bem, a quem tem dois fragmentos do Cubo Cósmico. O primeiro está em Wakanda e o segundo com Emma Frost em New Tian (que ela havia conseguido do Shang Chi algumas edições atrás).

O engraçado é que o discurso de Steve é praticamente uma cópia da maioria dos discursos de presidentes americanos quando eles decidem ir para a Guerra por qualquer motivo: estamos sendo ameaçados por estes países, eles tem chance de fazer mal para nós, eles tem armas de destruição em massa e etc. Você que já ouviu isso de Clinton, Bush, Reagan, Obama, Nixon e por aí vai, é basicamente a mesma coisa só que colocado na voz de Steve como Hydra Supremo.

E claro, como em boa parte desses casos, no fundo era mais para interesse próprio do que pela real ameaça. Nesta história, o que Steve realmente quer são os fragmentos, pois a “ameaça” mesmo não existe!

Então vemos dois grupos dos membros da Hydra atacando tanto New Tian (e vale lembrar que foi o próprio Steve quem “deu” a nação para os mutantes), e também a própria Wakanda.

Do lado dos X-Men, vemos uma invasão bem pesada rapidamente acontecer na revista. Entretanto, a luta é interrompida por Emma que revela para alguns membros do grupo que é ela quem é a verdadeira “rainha” da nação. Emma diz que os mutantes não vão dobrar os joelhos e que irá até Washington entregar o fragmento de Cubo Cósmico ela mesma para Steve.

Já o Pantera é mais durão. Ele está defendendo Wakanda de vários ataques da Hydra a algum tempo e, mesmo com uma invasão em grande escala, as defesas do país conseguem se segurar muito bem.

Entretanto, o Pantera talvez não esperasse que uma abordagem mais sutil tivesse efeito. Usando seus poderes argumentativos, o Doutor Faustus consegue penetrar na sala de Guerra onde está T’challa e, com ele, também vem o Barão Zemo. Dessa forma, enquanto os X-men tem um cessar fogo, o Pantera Negra foi preso!


Então a HQ foca no Capitão América (o Falcão), e o restante dos Vingadores Rebeldes que sobreviveram ao ataque da Hydra; Vemos que Sam está conseguindo muito bem levantar a moral da galera, mas o discurso dele tem menos impacto do que na mini principal (talvez pois lá ele está em um momento mais grandioso e é mais sucinto e direto ao ponto).

O que o restante dos heróis fazem é tentar ajudar os Inumanos que estão presos em um tipo de campo de concentração da Hydra. Na verdade, eles mesmos já estavam realizando uma revolta quando chegam os Vingadores, que só ajudam mais aos Inumanos se libertarem.

E aí chegamos no ponto que dá o título para esse texto. Eles perguntam como os Inumanos estavam conseguindo se rebelar, e aí conhecem um Inumano chamado Brian McCallister. Codinome: Barf. Traduzindo, ele literalmente se chamaria “Gorfo”, ou “Chamador de Raul/Hugo”, “Vomitador”, “Botador de bofes pra fora” e por aí vai.

Apesar do Falcão e do Holograma Stark estarem quase rindo com o nome, descobrem que o poder de Gorfo é literalmente gorfar objetos que ele visualiza em sua mente. Desde que sejam para algo positivo, ou coisa assim. Aí pedem para ele gorfar um fragmentozinho de cubo cósmico…

Sim, eles conseguiram um teco de Cubo Cósmico com um maluco que gorfou ele. Marvel, Spencer, Saiz, Bennet, Pimentel, todos os envolvidos, uma salva de palmas para vocês que colocaram a salvação do UM em um rapaz vomitando ela:

Pois bem, eu não sei como isso aconteceu. Se o Steve tinha todos os fragmentos, se o último estava com Gorfo, se ele realmente criou do nada este pedaço… O que acontece é que foi assim que eles conseguiram o teco cósmico que usam em Império Secreto #8.

Aí o HoloTony começa a fazer uns estudos a respeito disso. Ele percebeu que, em dado momento, quando o Miles Morales foi matar o Capitão e não o fez, ele tinha um brilho azul saindo de sua mão, pois ele estava usando justamente um fragmento para alterar a probabilidade. Por isso até mesmo a previsão do Inumano Ulysses de que Miles o mataria se provou errada, pois o fragmento manipulou um pouco a realidade a favor do Capitão.

E isso é meio bosta, pois ao invés de ser uma decisão que mostra que Miles teve a força moral para não se tornar um assassino, de respeitar a vontade da Viúva Negra e tudo mais, não foi tanto por conta de sua índole, mas sim porque o Capitão usou um fragmento para impedir que essa probabilidade, de morrer, acontecesse. Parabéns Spencer, uma ligeira cagada no desenvolvimento dos personagens só para o bem do plot…

Mas enfim, Tony, que estava fazendo aniversário aquele dia, ganhou um bolo de um menino e teve a ideia de fazer um desejo. Só que ele percebeu o seguinte: os fragmentos não garantem desejos completos, mas sim alteram as chances de algo acontecer. Então você meio que precisa estar numa situação em que há uma pequena chance da coisa acontecer, e o fragmento pode manipular essa realidade em escala menor.

Algo como… você não consegue emprego sentado em casa esperando ele vir até você, mas sim mandando currículos e indo em concursos, o Cubo inteiro te daria uma vaga com você na privada ou algo do tipo, sem fazer esforço, já o fragmento poderia transformar a chance de você ter um currículo escolhido em realidade.

E aí eles tecem o plano de tentar usar essa pequena chance para mudar os eventos em seu favor. A ideia era justamente liberar os outros heróis para uma ofensiva final contra a Hydra. O interessante é que o Steve sabe que não conseguiria ir contra todo mundo e por isso gerou vários planos para deter os heróis.

Por fim, essa edição mostra algo que, quem já leu “Império Secreto #8” já sabe: Bucky Barnes está vivo, com o Namor e tem um plano para ir contra Steve.

Vale só ressaltar que a capa de “Império Secreto #9” é justamente com Bucky, Zemo e o Pantera! Então isso pode ter alguma relevância na sequência da história.

Pois bem, aí vocês já sabem, gorfado é o modo mais nojento de conseguir um cubo cósmico até hoje. Claro, tem coisas MAIS nojentas ainda, mas que eu lembre, essa foi a vencedora na categoria publicada oficialmente!

A partir de hoje lembrem-se que o UM foi salvo por um efeito sonoro de “River City Ramson”!

E até a próxima, pessoal!

Escritor, roteirista de quadrinhos, jornalista, cozinheiro, Jogador de Magic e RPG, dentre outras façanhas incríveis e inimagináveis!"Como estou redigindo?"